Essa semana acontece o evento do ano. Estou falando do casamento do Príncipe William com a plebéia Kate Middleton, ou Catherine Middleton como deverá ser chamada depois do casamento. Nunca um casamento foi tão comentando desde o casamento dos pais do príncipe em 1981.
Também, toda essa história de reis, rainhas, príncipes e princesas, gera mesmo esse clima de conto, né?
Contos de Fadas ou não, estamos falando de seres chamados nobres. :D
Maaaaaaaaaaaaaaaaas, quem conhece de perto a história, verá que sofrem dramas como qualquer um de nós, meros mortais.
E por falar em casamentos reais... deem uma olhada nos casamentos da realeza inglesa.

Elizabeth e Rei George VI (1923) - Ela foi a primeira plebéia a se casar com um monarca. Em seu diário, Elizabeth escreveu: "Am thinking too much - estou pensando demais", referindo-se a decisão de casar com o futuro rei. Ela só aceitou o pedido na 3ª tentativa do príncipe Albert que, após o casamento, tornou-se rei George VI.

Rainha Elizabeth e Philip Mountbatten (1947) - Na época de seu casamento o país ainda estava sob racionamento, por causa da Segunda Guerra Mundial. Pensando em ajudar , as mulheres enviaram cupons de compra de tecido para que a rainha pudesse conseguir material para fazer seu vestido. Os cupons tiveram que ser devolvidos, já que era ilegal passá-los à frente. Durante a Lua de mel, Elizabeth escreve à mãe "Eu estava tão feliz e me divertindo tanto que me tornei completamente egoísta e esqueci de seus sentimentos e dos de qualquer outra pessoa!"

Princesa Anne e o Capitão Mark Phillips (1963) - Anne é filha da rainha e seu casamento 'causou' na época. Acredita-se que a cerimônia, transmitida pela TV, tenha sido vista por cerca de um milhão de pessoas em todo mundo.

Príncipe Charles e Diana (1981) - Considerado o casamento do século XX, cerca de 750 milhões de pessoas assistiram à cerimônia pela televisão e dois milhões de pessoas foram às ruas de Londres para ver o casal. Mas, apesar de todo o furor, estava bem longe de ser um Conto de Fadas. Quando perguntado se estava apaixonado por Diana, Charles respondeu: "Seja lá o que estar apaixonado signifique". Separaram-se em 1997, depois de muitos escândalos.

Príncipe Andrew e Sarah Fergusun (1986) - Ele, filho da Rainha Elizabeth. Sarah - duquesa de York - disse a uma revista americana que o casamento começou a se desfazer dentro de uma semana, por conta das obrigações do príncipe com a Marinha. Ao ser perguntada sobre como tudo aconteceu, Sarah responde: "Eu trabalhava em Londres e vivia em um apartamento pequeno com minha melhor amiga, e de repente me casei com um príncipe."

Príncipe Edward e Sophie Rhrys- Jones (1999 )- Caçula da rainha foi o único a usar fraque, porque não fazia parte das forças armadas. Foi proíbido o uso de chapéus nas cerimônias.

Príncipe Charles e Camilla Parker Bowles (2005) - Os dois se casaram 30 anos depois do início de seu romance, e foi o segundo casamento de ambos. A rainha não participou da cerimônia civil privada, dizendo que era para manter o evento discreto.

William não será o primeiro neto da rainha a se casar. Já subiram ao altar:

Peter Phillips e Autumm Kelly (2008) - Peter é o neto mais velho da rainha, filho da princesa Anne.

The Lord Frederick Windsor e Sophie Winkleman (2009)

Repararam nos vestidos? Eu não gostei desse úlitmo vestido. O Tomara que Caía está, LITERALMENTE, caindo.

Estou aqui morrendo de curiosidade para saber como será o escolhido pela futura Princesa de Gales.

Ainda bem que nossa espera está chegando ao fim. rss

Fonte: BBC - Receita para um Casamento real


2 Comentários

Marílinha disse...

Eitha aceitar na 3ª tentativa um pedido de casamento de um príncipe?? é bem antigo isso né??rsrrs

Paulinha disse...

1923 e pensa bem, nenhum prebléia havia assumido papel de princesa. A pressão é grande mesmo.
rsrs

Tecnologia do Blogger.

Labels